Associação Catarinense

Escola Sabatina

08/09/10

Gincana movimenta Escola Sabatina em Joinville

Uma gincana diferente está movimentando os participantes da Escola Sabatina da Igreja Adventista do Sétimo Dia no bairro Atiradores

Uma gincana diferente está movimentando os participantes da Escola Sabatina da Igreja Adventista do Sétimo Dia no bairro Atiradores, em Joinville. A gincana "A Redenção em Romanos" está envolvendo toda a igreja e "premia" com uma moeda própria, os "romanos", as equipes que se destacam nas atividades programadas. No total, são quatro equipes que recebem uma quantia determinada de romanos a cada sábado, de acordo com a realização das atividades propostas para a semana, como leitura e estudo diário da lição, assiduidade e pontualidade, além de visitas de evangelização. "É uma maneira de motivar os participantes da escola", explica Douglas Bérgamo Martins, diretor da Escola Sabatina da igreja.

A cada sábado, os participantes das equipes recebem um cupom onde relatam as suas atividades da semana: se estudaram a lição diariamente, se não a estudaram diariamente, e se decoraram o verso áureo ou não. Em cima das respostas, no sábado subseqüente eles recebem "o pagamento" em romanos. As visitas programadas para cada uma das equipes a lares de idosos ou orfanatos também contam para o recebimento.  No final da gincana, no décimo terceiro sábado, todos os membros irão utilizar os valores em romanos para um leilão, onde poderão arrematar prêmios doados pela direção da escola. "Não é uma competição, mas uma confraternização para motivação", garante Martins.

Os membros participantes da gincana elogiam a nova forma de motivar. Um dos pontos mais destacados são as visitas no sábado à tarde aos locais determinados pelas equipes, como casas de repousos de idosos e orfanatos de meninos e meninas. Lá, os participantes realizam atividades com os moradores, o que normalmente traz boas oportunidades de evangelização. "É uma boa maneira de fazermos trabalho missionário no sábado e também para conhecermos a necessidade desses locais, que sempre precisam de apoio material e espiritual", explica Davi Lira dos Santos, líder de uma das equipes envolvidas na gincana.

Por Luis Fernando Assunção

por Daniel Goncalves
Associação Catarinense

WEB 2.0


copyright 2011 - todos os direitos reservados

associação catarinense
Rua Gisela, 900
CEP: 88110-110 | São José - SC | (48) 3281-3000